quinta-feira, 22 de fevereiro de 2018

O que é o Marketplace?

O mundo digital está cada vez mais a centralizar-se em todo o tipo de ações no nosso dia a dia. E já praticamente a maioria dos negócios se encontra presente no meio digital. Mas será que para causar impacto e reconhecimento no digital basta possuir uma App relativa ao nosso negócio? É a partir deste pensamento que se começou a desenvolver e a implementar aquilo a que chamamos de Marketplace. 

Um Marketplace é um portal de e-Commerce, que possui características que, não só proporcionam ganhos a quem os implementa no seu negócio, como aos próprios consumidores, por lhes proporcionar uma experiência de compra bastante satisfatória. O Marketplace foi pensado como um espaço feito à medida das compras online. Este portal oferece uma variedade enorme de produtos e serviços de vários vendedores e possibilita uma compra extremamente fácil e rápida aos clientes, gerando tráfego imediato.



Um Marketplace traz inúmeras vantagens:
  1. Grande número de acessos e utilizadores.
  2. Tráfego de boa qualidade.
  3. Acréscimo de visibilidade e notoriedade da marca juntamente com divulgação da mesma (word of mouth).
  4. Baixo investimento.
  5. Sistemas de pagamentos e de logística já integrados e oferecidos por algumas plataformas.
  6. Visualização compatível com outras aplicações ou redes sociais (Facebook, portais, mobile, etc.).
  7. Não existe necessidade de investir num site próprio.
  8. Muito proveitoso para quem já possui de um negócio e-Commerce consolidado.
  9. Não é necessário a preocupação com responsabilidades tecnológicas ou logísticas da gerência do site (condições de pagamento, segurança, etc.), pois já se encontram integradas no site. 

O Facebook possui um Marketplace (https://www.facebook.com/marketplace/learn-more.) A famosa rede social compete com vários marketplaces, uma vez que a afluência de pessoas a visitar a página diariamente é de uma quantidade exorbitante. Neste Marketplace pode-se vender de tudo um pouco e temos a possibilidade de nos encontrarmos com o vendedor, antes de finalizar a compra, para nos assegurarmos do que vamos adquirir. Esta é uma das políticas de compra do Facebook.

Um outro exemplo de Marketplace, é o OLX, uma plataforma mundial de compra e venda de produtos que, desde que foi implementado em Portugal, tem demonstrado um acréscimo de utilizadores e aumento de rendimentos a nível nacional.

No que toca a Marketplace de origem portuguesa, um deles é o Portugal Market (http://portugalmarket.pt/. Este portal online é caracterizado por vender produtos de origem ou manufaturação portuguesa. Este Marketplace oferece aos vendedores boas soluções para comercializarem os seus produtos e poderem continuar a fazer crescer os seus negócios que têm como base a portugalidade. Num país onde cada vez mais se opta pela importação, é importante apostar neste tipo de comercialização que vai de encontro à transformação tecnológica (“Digital Transformation”). 




Know-How para criar Marketplace?
Aplicações, websites, portais de Intranet, projeto de realidade aumentada e até uma brochura digital. Estes são alguns dos exemplos dos trabalhos realizados pela Digital Works. As aplicações diferem bastante umas das outras, sendo que é importante criar diferentes tipos de aplicações com modos diversos de utilização para existir uma distinção e inovação de cliente para cliente.



Embora o objetivo seja o mesmo, no que toca à Digital Transformation, neste caso mais especificamente criar Marketplace, desenvolver soluções online que façam com que os consumidores comprem mais facilmente, melhorando a sua experiência de compra e consequentemente leva-los a voltar ao Marketplace da empresa. Na Digital Works, são realizadas diferentes alternativas para cada cliente, pois para cada um existe um tipo de consumidor dos seus produtos e serviços e a comunicação pode ter de alcança-los, mas não necessita de ser igual para todos. 

Pretende-se que os clientes sintam que, as decisões que são tomadas para melhorar o negócio de cada um vão de encontro com os seus valores, expetativas e acima de tudo a personalidade do negócio dos mesmos.

Sem comentários:

Enviar um comentário